Uma filosofia de vida e uma casa que a acompanha

 

O Slow Living, muito mais do que uma filosofia, é uma forma de estar que privilegia um modo de vida orgânico e natural em que ao mesmo tempo que beneficiamos o ambiente que nos rodeia, não sacrificamos a nossa qualidade de vida. É diariamente termos bem presente quem somos, quais as nossas prioridades, abordando-as com uma visão a longo prazo, despoletando um dia a dia equilibrado, pacífico e sustentável.

Quem somos, e aquilo que nos define, começa em casa.

Viver numa Portugal Slow Living é escolher prescindir dos aspetos menos positivos da vida urbana, em troca de um espaço cuidadosamente pensado em que nos sintamos bem, que torne a vida mais fácil e nos permita uma conexão com a natureza. São casas confortáveis, sustentáveis, minimalistas, onde tudo se foca no bem-estar de quem em si habita, capacitando-nos do melhor estado de espírito na incessante procura pela felicidade.

PSL_PSL_foto texto ícones

Portugal Slow Living é a promotora imobiliária que pensa no seu bem-estar e qualidade de vida com impacto positivo no seu entorno

Projetamos casas com escolhas criteriosas a nível da sustentabilidade e eficiência energética, com gestão transparente e impacto positivo no seu meio urbano.

Atuar na direção do crescimento sustentável

Padrões de qualidade elevada

Contribuir para um melhor planeamento urbanístico e territorial

Responsabilidade social

Pensar no espaço urbano como um espaço de vida

Respeitar a herança cultural

Aliança com autoridades locais que partilhem a nossa visão e tenham competências complementares

Tipos de casa

Versatilidade, casas para conviver com família, conciliar vida familiar com teletrabalho, espaços para sociabilizar e espaços privados, espaços exteriores, casas prácticas, arrumos, saudáveis.

Classic

Apartamentos atualizados às necessidades atuais. Boas áreas, arrumação, zona de lavandaria, quartos em suite e terraços.

Loft

Apartamentos singulares. A melhor simbiose entre apartamento e atelier com extremo conforto.

Duplex

Apartamentos grandes, espaços com privacidade privilegiada. Master suite independente.

Townhouse

Uma casa na cidade, com jardim, piscina e rooftop.

Características de uma casa

Portugal Slow Living

Conforto térmico e acústico

  • Isolamento de elevada inércia térmica
  • Aproveitamento da luz solar
  • Vidro duplo com reduzida transmitância térmica
  • Renovação mecânica do ar

Eficiência energética A+

  • Certificação energética A+
  • Utilização de energia renovável com painéis solares e painéis fotovoltaicos
  • Equipamentos energeticamente eficientes
  • Monitorização do consumo de energia
  • Prevalescência de materiais de origem responsável com baixo impacto ambiental

Eficiência hídrica

  • Consumo responsável de água
  • Torneiras eficientes de baixo consumo com sistema de controlo de caudal
  • Chuveiros de baixo consumo
  • Autoclismo dupla descarga
  • Recuperação de águas pluviais 

A nossa história

Três destinos, três gerações, três nacionalidades, um mesmo sonho: uma vida mais slow… em Portugal!

 

Portugal Slow Living nasce do encontro entre três vidas que, de forma improvável, se encontraram com um elo comum: o gosto por Portugal.

Didier Poulain, francês, empresário com 40 anos de experiência como empresario na construção civil principalmente em França mas também com projetos no Congo, Arábia Saudita, Argelia e Açores. Aos 60 anos decidiu começar de novo, aprender português e mudar-se para Portugal onde pretende aplicar todo o seu Know How e disfrutar o resto da sua vida.

Vitor Rodrigues, franco-português, decidiu trocar o ritmo frenético das multinacionais, que lhe proporcionou uma sólida experiência ao longo dos últimos 30 anos, na área da transformação digital e gestão financeira, por uma qualidade vida mais slow e mudou-se para Lisboa.

Catarina Teixeira, franco-hispano-portuguesa, 25 anos de experiência em estratégia, na área comercial e de marketing, sempre numa vertente de sustentabilidade e ecologia. Portuguesa por parte de pai sempre manteve um vinculo muito forte, pessoal e profissional, com o país e considera, como o seu ideal de vida, a cidade de Lisboa. Neste momento vive em Madrid.

Os 3 ambicionam criar um novo conceito de habitação, que respeite o meio ambiente e os ecossistemas, de forma ética e transparente, e contribuir para o desenvolvimento sustentável de Portugal num dos setor com mais impacto na emissões de CO2: o setor imobiliário.